Escolhendo a profissão: fazer aquilo em que sou bom ou aquilo que gosto?

É, pessoal, hoje estou aqui, “de castigo”, respondendo aos vários comentários do pessoal. Mesmo sendo muitos, acho realmente gratificante ver quantas pessoas estão buscando informação e aprendendo aqui no Clube do Dinheiro. Obrigado a todos!

Desta vez, vou falar a respeito do comentário de Lucas Felipe Z, que diz o seguinte em Qual profissão ganha mais dinheiro? :

E aí, tenho 13 anos e fico com dúvida sobre que carreira seguir, sei que ainda tenho tempo mas não tenho a mínima ideia. Bom você diz que é bom fazer o que gosta, porém se eu não for bom no que gosto, o que é melhor seguir: Fazer o que eu quero ser ou o que sou bom (que também gosto, mas não tanto)?

Olá Lucas, é um prazer conhecê-lo!

Quanto à sua dúvida, não se preocupe, é natural! Eu mesmo só decidi que curso universitário eu gostaria de seguir em meu terceiro ano científico (na época, com 15 anos de idade).

A decisão não foi fácil. E a coisa fica mais difícil quando você é um nerd que adora informação (já já você vai entender por quê). Recebi os mais diversos conselhos de amigos, professores e parentes:

  • Faça aquilo que você acha que poderia fazer bem. Ótimo, pensei, sei que posso ser um bom professor, médico, advogado, desenvolvedor de sistemas, químico, engenheiro… Errr… Acho que esse conselho acabou não sendo dos melhores, pois quando você gosta de estudar e aprende os diversos conceitos envolvidos facilmente, aparece que tudo “lhe serve”. É, vamos para outro conselho;
  • Faça vestibular para Medicina! Ótimo, peço um conselho e decidem por mim o que devo fazer… Essa opinião não foi a mais válida – foi de uma professora (que não gostava muito de mim, hehe) que achava isso o máximo porque daria status à escola, ao ter um aluno aprovado em Medicina. Ainda hoje minha vida não é “outdoor” para servir de espaço publicitário, assim, vamos ter que procurar outro conselho;
  • Faça aquilo que mais lhe trará dinheiro! A ideia é até boa, mas há um grande porém: eu gosto de sentir que sou realmente útil, que o que faço realmente vale a pena, “faz a diferença”! É por isso que gosto de escrever neste blog, pois sei que, de alguma forma, estou ajudando outras pessoas a tomar decisões financeiras ou profissionais muitas vezes difíceis quando não se pode contar com o apoio de outras pessoas. Dinheiro é bom? Claro que é! Mas só o dinheiro não é capaz de preencher a sua vida, você precisa de mais, de um sentido!
  • Faça aquilo que lhe faz sentir-se bem e que você gosta! Acredito que alguém me disse isso. Se não me disseram, estou lhe dizendo, pois é isso o que realmente importa. Naquele ano de vestibular, decidi cursar de Ciência da Computação, pois como sou apaixonado por jogos, mesmo que eu não conseguisse emprego na área (em 2000, a indústria de jogos no Brasil era muito incipiente) ao menos poderia, em minhas horas vagas, trabalhar em projetos próprios, em meus próprios jogos. Encontrei ali um significado que ia muito além do simples “ganhar dinheiro”.

Trabalho no ramo de desenvolvimento de jogos desde 2006 e em 2008 iniciei-me também no blogging profissional. Hoje, considero-me desenvolvedor de jogos (encerrei o último contrato no mes passado e vou dar um tempo, procurando novos contratos somente a partir de meados deste ano ou depois) e blogger. E gosto disso.

E dois últimos conselhos:

  • Se você gosta muito de uma determinada atividade mas acha que não é tão bom assim nela, se você gosta de verdade, você pode reverter esse quadro. Garanto-lhe isso! 😉
  • Se mais tarde você perceber que ama mais outra coisa ou mesmo mudar de interesse, não se sinta “preso ao que já escolheu”. Sempre é possível planejar-se e, então, mudar de área. Se eu não quisesse mais trabalhar na indústria dos jogos, eu o faria! Como disse, é saber planejar, preparar-se e pôr em prática seu plano para migrar de área!

Espero que este artigo ajude-o a melhor decidir o que fazer em sua vida profissional. Um abraço e até breve!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print