Já fez uma revisão semestral de como gere seu dinheiro?

Você já sabe que a base para uma gestão de seu dinheiro de forma mais saudável é gastar menos, ganhar mais e investir melhor, não é mesmo? Mas como você sabe se a forma como você está empregando esses três fatores em sua vida está OK ou se precisa de algum ajuste? Como você pode se autoavaliar para determinar se está no ritmo certo ou se precisa acelerar ou frear?


A resposta para tal pergunta pode estar no famoso ciclo PDCA (plan – do – check – act) onde, após o planejamento e execução, deve-se ter uma etapa de verificação para então atuar corretivamente sobre as ações a fim de melhorá-las para o próximo ciclo. Assim, uma ferramenta que pode ajudar todos nós nesse processo de verificação (para a posterior correção) é a revisão periódica, sistemática e baseada em dados numéricos.


Uma revisão pode ser feita de diversas formas, mas sugiro que seja feita de forma “periódica, sistemática e baseada em dados numéricos” porque:


a) PeriódicaRevisões feitas sempre em um mesmo período de tempo permitem uma melhor comparação dos dados com aqueles obtidos em revisões anteriores, já que foram analisadas as mesmas quantidades de dados sempre com o mesmo intervalo de tempo entre eles. Duas boas opções de periodicidade são mensais ou semestrais;


b) Sistemática – isto é, execução de uma revisão segundo um protocolo, um conjunto de ações que deve ser tomado em uma determinada ordem a fim de garantir que duas revisões sobre os mesmos dados levem sempre a um mesmo resultado, uma vez que revisões que empreguem ações diferentes podem levar a resultados tão diferentes que invalidam a eficácia das mesmas;


c) Baseada em dados numéricos – o foco em dados numéricos deve-se à necessidade de sermos tão objetivos e imparciais quanto for possível, a fim de evitarmos interpretações subjetivas que podem levar a equívocos. Por exemplo, se sua meta é aumentar sua renda mensal em 30% em uma prazo de 12 meses, você deveria ter como um de seus parâmetros numéricos a sua renda mensal que, comparada com a renda do mês anterior, dar-lhe-á uma noção de quanto ela está crescendo. Um parâmetro secundário que você poderia utilizar neste mesmo exemplo é quanto de seu salário você está investindo mensalmente em qualificação profissional ou expansão de seu negócio.


E quando o assunto é dinheiro, sabemos que temos que tomar todo o cuidado do mundo, não é mesmo? Afinal de contas, é ele que determina quantos de nossos objetivos e anseios poderemos conquistar em nossas vidas. Assim, recomendaria que utilize tanto de revisões mensais quanto revisões semestrais. Claro, ambas as revisões não estarão analisando exatamente os mesmos dados (caso contrário, a eficiência de termos ambas não seria tão grande), em vez disso, você pode empregar reuniões mensais para um acompanhamento mais “micro” isto é, mais “passo-a-passo”, baseado em alguns poucos parâmetros, e revisões semestrais para um acompanhamento mais “macro”, envolvendo um volume maior de parâmetros, analisando as ações desenvolvidas ao longo do último semestre e, assim, tomar medidas que podem impactar diretamente a estratégia adotada.


E como já estamos no segundo semestre e até o dado momento não havia escrito aqui sobre a oportunidade de revisarmos tudo o que fizemos e conseguimos no primeiro semestre, decidi que estava em tempo ainda de fazê-lo. Se você, assim como muitos brasileiros, estabeleceu metas e planos antes do início do ano (as famosas “promessas de Reveillon”), que tal agora tomar algum tempo, levantar dados sobre como você está indo rumo a alcançar seus objetivos e faz uma avaliação do seu primeiro semestre?


Lembre-se de escolher parâmetros que possam apontar se você está realmente caminhando em direção à sua meta! Parâmetros que não possuem influência direta ou indireta deveriam ser descartados, a fim de facilitar a compreensão dos dados. E sucesso revisando seu primeiro semestre!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print