Oportunidade #1: Trabalhando como freelancer

A primeira oportunidade para ganhar dinheiro que vou apresentar aqui é trabalhar como freelancer. Freelancer é qualquer profissional que presta serviços diretamente a terceiros (sejam estes pessoas físicas ou jurídicas), sendo remunerado, assim, por seu serviço prestado e não pelo total de horas trabalhadas.

Vantagens
1. Maior liberdade e controle sobre seu horário de trabalho;
2. Possibilidade de conciliar com um emprego.
Desafios
1. Não há leis trabalhistas protegendo o freelancer;
2. Os rendimentos mensais podem variar bastante;
3. Se você trabalha em casa, pode ser difícil conciliar seu espaço de trabalho e o espaço familiar.
O que fazer
1. Identifique aquilo em que é bom (e há um público interessado em pagar);
2. Crie um site/blog para divulgar seus serviços;
3. Invista em seu marketing pessoal;
4. Inscreva-se em sites com ofertas de trabalho para freelancers.

Assim, quanto maior for a qualidade de seu trabalho, maiores as chances de ganhar um bom dinheiro. Claro, o contrário também é válido: como você não será um empregado e não será pago pelo tempo total trabalhado, se não tiver boa qualidade em seus serviços, pode acabar não ganhando muito – mas, claro, há espaço para aqueles que querem aprender e, assim, aprimorar-se.

Como qualquer outra forma de trabalho, atuar como freelancer possui suas vantagens e desvantagens.

Vantagens do freelance

Trabalhar como um freelancer, claro, tem suas vantagens. A primeira dela é que você pode trabalhar em casa, sem precisar alugar uma outra infra-estrutura, o que pode representar uma boa economia. Se você precisa de um computador e uma impressora para executar suas tarefas, por exemplo, pode utilizar aquele que já possui em sua casa, com os softwares que já estão instalados, e é bem legal ter uma estação de trabalho em casa, seu próprio home office!

Você pode empregar os recursos que você já dispõe em casa (por exemplo, se você atua na área de tecnologia da informação, você pode usar seu próprio computador e conexão de Internet, sem ter que adquirir outro equipamento). Como disse acima, isso pode representar uma economia bem considerável para você – e para seus futuros clientes, já que não sairá do bolso deles diretamente o custo de tal estrutura.

Você pode efetuar os seus trabalhos nos horários que melhor convir. Entretanto, é bom salientar que flexibilidade de horários não deveria se traduzir em ausência de horários! Em minha vida como freelancer conseguia uma produtividade muito maior quando impunha horários à minha jornada de trabalho, mas claro, a flexibilidade que comentei significava que eu poderia trabalhar pela tarde e pela noite, por exemplo, liberando as manhãs para outros afazeres.

Trabalhar como freelancer não o impedirá de trabalhar como empregado em outro local, em outras palavras, você pode acumular trabalhos e, portanto, ganhar mais dinheiro para os seus objetivos e fazer desta uma renda extra mensal. E para quem se preocupa com a sua saúde financeira (o que deveria significar “todos nós”!), essa alavancagem pode ajudar a quitar certas dívidas mais caras como o financiamento de um carro ou de um imóvel o que ajudará a alcançar uma maior liberdade financeira mais rapidamente.

Se você perceber que as atividades estão ficando difíceis de cumprir, basta reduzir o volume de trabalhos como freelancer ou até mesmo interromper suas atividades temporariamente. Durante certas épocas de minha vida enquanto freelancer eu precisei reduzir ou aumentar o volume de trabalhos conforme meus demais afazeres (como quando cursei um mestrado) ou a necessidade financeira (o bolso apertou? Hora de trabalhar mais!).

Desafios do freelance

Por outro lado, é preciso estar atento a alguns cuidados:

Não há leis trabalhistas para proteger os freelancers, então todo cuidado é pouco no momento de fechar contratos, principalmente quando com novos clientes;

Diferente de um emprego, onde o seu salário é o mesmo todo mês, o valor de cada contrato como freelancer (em outras palavras, o preço de cada freelance) pode variar bastante, podendo render muito ou causar grandes prejuízos;

Se você está trabalhando sozinho e envolvido em vários projetos, a tendência é perder o ritmo de gerenciamento e organização e, quando menos esperar, as coisas podem complicar-se, por isso, atenção redobrada para os cronogramas quando o volume de trabalhos aumentar;

Não há aposentadoria ou FGTS como freelancer, então você precisa ter consciência de que você deve fazer o seu “pé de meia”, economizando, poupando e investindo, pensando não somente no presente, mas também no futuro;

Se você mora com outras pessoas (pais, irmãos, amigos ou esposa e filhos) pode ser bastante complicado trabalhar em casa.

O que fazer

Já atuei bastante como freelancer e não tenho muito do que reclamar. Se quer trabalhar como freelancer para ter uma renda extra e ganhar dinheiro (em vez de ganhar dor de cabeça), algumas dicas que posso lhe passar são:

  • Escolha algo em que você seja realmente bom (manutenção de equipamentos, consultoria em e-business, desenvolvimento de sistemas, administração de servidores, etc). Se você não acha que é bom o suficiente em algo, escolha algo que goste e possua um bom nicho de mercado e aprofunde-se nisso;
  • Exponha sua marca: crie um site/blog para falar sobre suas atividades, apresente produtos ou serviços já prestados (o famoso portifólio) e mantenha uma forma de contatá-lo facilmente;
  • Saiba selecionar e manter sua “carteira de clientes”: no início, prestamos serviço para quase todos que nos procuram (devido à inexperiência ou baixa demanda), mas com o tempo passamos a selecionar melhor a fim de manter a qualidade do serviço;
  • E o mais importante: não fique sentado esperando que os clientes apareçam, faça-os vir até você! Discuta em comunidades e fóruns de discussão com outros profissionais, procure identificar e contatar quem pode precisar de seus serviços e cadastre-se em sites que oferecem um meio de contato e contratação de freelancers, como o Freelance Now e o Freelance.com.

E apesar de que o tema é muito pronunciado quanto a oportunidades para desenvolvedores de software, devo frisar mais uma vez que não são somente os desenvolvedores de software que podem atuar como freelancers! Nos últimos anos, com o crescimento da importância do conteúdo nas atividades de marketing, escritores de conteúdo estão se destacando cada vez mais no cenário nacional e mundial como freelancers – e não há somente este tipo de trabalho também, pense nisso!

Bem, está é a primeira oportunidade de ganhar dinheiro que você pode tentar. Com ela você vai criar o seu próprio negócio e, quem sabe, mais tarde estendê-lo e transformar em um negócio de empresa. 😉

OBS: Este texto foi publicado originalmente em 19 de janeiro de 2009 e está sendo revisado e ampliado para manter-se sempre atualizado e mais completo.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber nossos artigos em seu e-mail e "de quebra" baixar nossos e-books "Manual do Investidor" e "Como Ficar Rico - dicas, dúvidas e comentários"?

E-mail:

4 comments

  1. Rosimar Visnheski says:

    mande-me uma proposta para trabalhar como freelance

  2. admin says:

    Olá Rosimar, tudo bem?

    Olha, não estou ainda listando aqui requisições de trabalhos freelance de outras empresas ou pessoas físicas e de minha parte no momento não estou requerendo serviços de outros freelancers – atualmente, já são três pessoas que prestam-me serviço como freelancers periodicamente, de tal forma que no momento não necessito de outro freelancer. 🙂

    Se meus planos funcionarem corretamente, entretanto, posso necessitar dos serviços de um novo freelancer a partir de março ou metade do ano que vem, mas para isso, eu preciso saber quais são as suas habilidades. Há alguma página ou website onde consta suas experiências profissionais e formação educacional?

    Abração e até breve!

  3. Luiz Fernando says:

    Olá,

    Preciso de textos de assuntos variados e pré-determinados para o site culturamix.com.
    Os textos podem ser baseados em quaisquer fontes, online ou off-line, mas tem que ser originais (não pode haver trechos copiados de quaisquer outros sites).

    Para pessoas que trabalham com o BB, faço depósitos semanais com o pagamento. Demais bancos a combinar. A quantidade de textos depende da disponibilidade, mas é necessário se comprometer com o combinado.

    Pagamos R$ 5,00 em textos com 450 palavras e R$ 2,00 em textos com 150 palavras.

    Você tem dúvidas sobre o trabalho? Se tiver interesse, entre em contato enviando no mínimo dois temas como teste.

    Obrigado,
    Luiz Fernando

  4. Lilian Dantas says:

    Luiz Fernando,

    Eu redijo textos para alguns parceiros aqui em Uberlândia, jornais, revistas e textos universitários na qual infelizmente não posso citar os nomes por opção de sigilo destes, curso faculdade de Publicidade e Propaganda e realizo gestão projetos culturais. Tenho material para mostra. Não possuo web site. Tenho baseado meus conhecimentos nos fortes traços culturais brasileiros e em estudo mercado (marketing). Nós podemos conversar por e – mail. Já pude observar os 5 motivos e aplaudos para a idéia de seu grupo.
    lilianmdantas@hotmail.com.br

    Cordialmente,

    Lilian Dantas
    Publicidade e Propaganda

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print